28 junho, 2016

Espirais

Subo por escadas, avanço em espirais
Dos pés, uma ponta toca a superfície:
Carimbo orgânico a marcar o meu trajeto

Cada degrau colheu de mim uma impressão

Entrelaçada ao corrimão
meu olhar despenca
e o coração delibera:

O mau dos caminhos planos
é que nunca sabemos bem
se estamos indo, ou se voltamos.

Nenhum comentário: